As pessoas são a diferença!

Coaching,Dicas

Como seria se as empresas fossem vistas como seres vivos? Seres que se machucam, que sangram, que ficam alegres, tristes, que sofrem, que nascem e que morrem. Entender que as empresas tem vida, tem sentimento, tem vibração, tem energia, pode ou não contribuir com melhores resultados?

O equilíbrio entre razão e emoção é e acredito que sempre será o caminho. Porém, entender que empresas só existem porque pessoas as fazem pulsar, merece atenção.

Durante as práticas de Coaching costumo entrevistar liderados e um dos questionamentos abrange a relação entre líder e liderado. Uma das frequentes queixas é “meu líder não tem tempo de conversar comigo”. Vamos lá, muita coisa pode estar por trás deste comentário. Incompetência, imaturidade, falta de iniciativa e até dependência do liderado para com o líder. Algumas vezes é isso mesmo, mas em outras, é justamente o resultado da falta de relacionamento. Uma enorme carência de atenção na relação entre “pai e filho”. Faço essa analogia justamente porque o líder precisa ensinar, transmitir as suas expectativas,  orientar, elogiar e se relacionar com as pessoas que ele escolheu para produzir resultados. Certamente como justificativa ao comentário do liderado, o líder pode alegar sobrecarga, infantilidade, despreparo e falta de tempo para se relacionar.

Sim, falta tempo para se relacionar com liderados, assim como falta tempo para fazer o que é considerado como prioridade na vida da maioria dos mortais. Família, saúde, amigos, lazer, dormir, etc.  As relações familiares costumam ser as maiores vítimas quando há excesso de trabalho. Quem é mais importante na nossa vida acaba sofrendo.

Concluo que o mesmo acontece na empresa. Quem de verdade pode fazer a diferença para conquistarmos resultados melhores, é esquecido ou deixado para segundo plano. Quando estamos só correndo atrás da bola, esquecemos de aquecer, de alongar, de criar estratégias, esquecemos de valorizar quem de verdade pode fazer o gol. As pessoas são a alma das empresas. As pessoas são a diferença. Por isso vale a pena manter uma boa relação entre líder e liderado.




Comentários